Angola Cables leva conexão digital em banda larga nos países da África Ocidental

You are currently viewing Angola Cables leva conexão digital em banda larga nos países da África Ocidental
Partilhar

Os serviços da multinacional angolana Angola Cables chegou recentemente à mais seis países do continente africano, trazendo soluções tecnológicas e de conectividade internacional de internet  no mercado dos países da África Ocidental, alcançada após a celebração de um acordo de parceria com a empresa ganense CSquared que também explora o mercado das telecomunicações no Togo, República Democrática do Congo, Uganda, Quénia e Libéria.

Através deste acordo com a Angola Cables, a CSquared reforça como provedora a sua capacidadede oferta de conexão a redes de banda larga de alta qualidade aos fornecedores locais de serviços de internet (ISP) e aos operadores de redes móveis das principais cidades africanas, permitindo que estes cheguem a Angola e outras localizações da rede Angola Cables, gerando um impacto de conectividade inclusivo para o desenvolvimento socioeconómico da região.

Em um comunicado recebido pela redação do Imersão Digital, a empresa afirma que “esta parceria da multinacional de telecomunicações angolana enquadra-se no plano para garantir maior proximidade aos mercados de Angola, Brasil e US, por via da disponibilização aos fornecedores de serviços de um conjunto de recursos tecnológicos, tais como IP Transit, interligação a Data Centers Globais e soluções de Cloud e Gaming com alcance de conectividade eficiente aos mercados internacionaism”. Esta parceria surge dias depois de um acordo com a  Flexential, principal proprietária e desenvolvedora de data centers dos EUA, disponibilizou conexão a sua rede de datacenters para a Angola Cables, o que beneficiará os clientes da multinacional angolana em África, Europa e Brasil.

“Como nosso parceiro mais recente, a CSquared irá agora beneficiar e ser capaz de promover o seu acesso a soluções de conectividade de Internet e Cloud de alta qualidade em locais dentro do alcance da rede da Angola Cables. Isto colocará estrategicamente os seus negócios em posição de oferecer um portfólio abrangente de produtos e soluções internacionais amplamente conectados”, declarou Rui Faria, Director Global de Vendas da Angola Cables.

Para o Gerente Regional da África Ocidental da companhia ganense, Estelle Akofio-Sowah, a parceira com a Angola Cables vai ao encontro da estratégia da CSquared que tem como objectivo impulsionar, com uma boa relação custo-benefício, a transformação digital em África.

“O envolvimento numa parceria comercial foi uma escolha lógica para nós, uma vez que temos acesso à rede internacional robusta e segura da Angola Cables, de alta capacidade e baixa latência, permitindo à CSquared comercializar produtos à medida e soluções de rede personalizadas”, garantiu Estelle Akofio-Sowah.

A Angola Cables é hoje o operador mais interconectado de África, que interliga actualmente 59 Data Centers (GDI), tem mais de 4500 acordos de Peering ao nível mundial e mais de 25 Pontos de Presença (PoPs) em Angola, África do Sul, Nigéria, Gana, Portugal, Inglaterra, Espanha, França, Alemanha, Brasil, Singapura e EUA.

Deixe uma resposta